Sintomas da síndrome de Cushing, causas e tratamento

Sintomas da síndrome de Cushing, causas e tratamento

Fevereiro 18, 2021 Não Por love amem

A síndrome de Cushing, também chamada de doença de Cushing ou hipercortisolismo, é uma alteração hormonal caracterizada pelo aumento dos níveis do hormônio cortisol no sangue, o que leva ao aparecimento de alguns sintomas característicos da doença como rápido aumento de peso e acúmulo de gordura na região abdominal e face, além do desenvolvimento de estrias vermelhas no corpo e pele oleosa com tendência à acne, por exemplo.

Assim, na presença desses sinais e sintomas, é recomendado consultar o endocrinologista para que sejam indicados exames de sangue e de imagem e, assim, ser indicado o tratamento mais adequado, que pode ser feito por meio do uso de medicamentos ou realização de cirurgia, por exemplo.

Principais sintomas

O sintoma mais característico da síndrome de Cushing é o acúmulo de gordura apenas na região abdominal e no rosto, que também é conhecido como face em forma de lua de cheia. Além disso, outros sinais e sintomas que também podem estar relacionados com essa síndrome são:

  • Aumento rápido de peso, porém braços e pernas finas;
  • Aparecimento de estrias largas e vermelhas na barriga;
  • Aparecimento de pelos no rosto, principalmente no caso das mulheres;
  • Aumento da pressão;
  • Diabetes, já que é comum que existe maior nível de açúcar no sangue;
  • Diminuição da libido e da fertilidade;
  • Ciclo menstrual irregular;
  • Fraqueza muscular;
  • Pele mais oleosa e com tendência à acne;
  • Dificuldade para cicatrizar feridas;
  • Surgimento de manchas roxas.

Normalmente é notado o aparecimento de vários sintomas ao mesmo tempo e são mais comuns em pacientes com doenças como artrite, asma, lúpus ou após transplante de órgãos e que tomam corticoides por vários meses em quantidades elevadas. No caso das crianças com síndrome de Cushing, pode ser percebido crescimento lento, com baixa altura, aumento dos pelos faciais e corporais e calvície.

Causas da síndrome de Cushing

A síndrome acontece devido ao aumento dos níveis de cortisol no sangue, o que pode acontecer como consequência de diversas situações. Uma causa frequente desse aumento e que favorece o desenvolvimento da doença é o uso prolongado e em doses elevadas de corticoides, que é normalmente indicado no tratamento de doenças como lúpus, artrite reumatoide e asma, além de também ser indicado para pessoas que já fizeram transplante de órgãos.

Além disso, a síndrome de Cushing pode acontecer devido à presença de um timor na glândula pituitária, que se encontra no cérebro, levando à desregulação na produção de ACTH e, consequentemente, aumento na produção de cortisol, que pode ser detectado em altas concentrações no sangue.

fonte tuasaude