10 medicamentos que fazem mal ao seu fígado

10 medicamentos que fazem mal ao seu fígado

Novembro 24, 2022 Não Por love amem

Olá!  Você sabia que todos os remédios e suplementos que você toma vai passar pelos seu fígado? E que a  lesão no fígado por causa de medicamentos – a hepatite medicamentosa, pode se manifestar no mesmo dia, até 90 dias de você tomar o remédio ou suplemento?

Justamente porque o fígado é o principal órgão que desintoxica o corpo, de resíduos químicos e de toxinas. E diferente dos rins, que quando existe uma falência aguda há uma máquina de hemodiálise que pode resolver na grande maioria das vezes, se o fígado falhar, nenhuma máquina vai salvar.

Nos Estados Unidos, mais de 2 mil casos de insuficiência hepática aguda ocorrem por ano, sendo que metade é por causa de remédios ou suplementos. Centenas de remédios podem lesar o fígado, mas 10 deles ganham um papel de destaque. Por isso, é importante saber quais são eles, e evitá-los ao máximo.

Nesse post eu vou falar desses 10 medicamentos que mais lesam o fígado, além detalhar os sinais precoces de danos no fígado causados por medicamentos

O que seu fígado faz?

Principalmente uma coisa: desintoxicar o seu corpo. Ele filtra tudo o que e entra no seu organismo: ele metaboliza o álcool, remédios, drogas, inseticidas que você ingere através da sua comida, produtos químicos que você entra em contato e nem sabe. Ele processa tudo que é indesejado e expulsa o resto, o lixo, tanto pela bile quanto pela urina.E, por ele fazer esse processo de limpeza, algumas coisas podem detonar com seu fígado.

Quais são os sinais e sintomas precoces de danos no fígado causados por medicamentos ou suplementos?

Você pode ter uma

  • Dor de estômago

  • Febre

  • Diarréia, náuseas e vômitos

  • Urina escura

  • E fezes de cor branca, a acolia fecal

  • Aquele pele amarelada, a icterícia, que também pode afetar a parte branca dos seus olhos, a esclera, deixando elas com uma coloração amarela.

  • Fadiga severa ou sonolência

  • Coceira e irritação na pele.

Quanto tempo leva para a medicação danificar o fígado?

Isso depende, né. Vai muito da sensibilidade do  seu corpo ao remédio. Também vai depender da dose que você tomou, se você é mais jovem ou mais velho, se você já toma alguma coisa que pode lesar o fígado, ou se você já tem problema no fígado, se você tem uma hepatite crônica por exemplo, ou se você já lesou o seu  fígado, se tem fibrose, cirrose, se já bebeu muito na vida…

Em geral, os sintomas de danos ao fígado causados por remédios aparecem entre 5 dias até três meses após você começar a tomar o remédio. Eu sei que estou falando dos remédios, mas devo avisar que o álcool lesa muito o fígado e cerca de 10% dos transplantes hepáticos são devido ao álcool, e as drogas ilícitas, como cocaína, também atacam o fígado.

Um alerta- se você toma um desses remédios que eu vou falar aqui, e foi prescrito pelo seu médico, não pare, de jeito nenhum.

Vários remédios são importantes para controlar algumas doenças. Se ele prescreveu, e ele está lhe acompanhando, não tem problema, fique tranquilo.

Quais são os 10 principais remédios que destroem o seu fígado?  (o último é o principal, então fique até o fim)

 

1º remédio que pode afetar seu fígado- Metildopa

A metildopa é um anti-hipertensivo, que usamos para hipertensão. É muito segura, tanto que o remédio anti-hipertensivo mais usada em grávidas. Porém a metildopa está associada a danos no fígado, por isso, não é recomendado para pessoas que já têm doença hepática, especialmente fibrose e cirrose. A lesão no fígado pode aparecer até 12 semanas após o início do tratamento com metildopa.

2º remédio que pode afetar seu fígado-

Amoxicilina/clavulanato (que é o clavulin)

A amoxicilina com clavulonato um antibiótico muito comum e muito eficaz. Tratamos sinusite, amigdalite, pneumonias, infecções urinárias….Mas, essa combinação tem sido implicado em centenas de casos de lesão hepática aguda.

3º remédio que pode afetar seu fígado-  Diclofenaco (Cataflam, voltarem, tandrilax, torsilax Be, qualquer anti-inflamatório (ibuprofeno, naproxeno) pode causar lesão hepática, embora seja muito raro. Mas o diclofenaco é o anti-inflamatório com maior risco.

E o dano no fígado pode acontecer semanas a meses depois de começar a tomá-lo. Então, fica um alerta: não são só seus rins que podem ser lesados pelo diclofenaco. Seu fígado também.

4º remédio que pode atacar seu fígado- Amiodarona

A amiodarona ou ancoron é um remédio que os cardiologistas, usam muito para arritmia cardíaca. É um dos mais fortes que tem, então melhora muito a arritmia, limpa o holter 24h, mas é um dos remédios com maior efeito colateral de todos.

Afeta a tireóide, pode afetar os pulmões, pode afetar a pele, e sim, pode atacar seu fígado. Por sempre termos que pesar risco benefício, utilizamos bem menos que no passado, mas tem casos que precisaremos utilizar.

Normalmente não é uma lesão aguda, a amiodarona precisa de algumas semanas a meses para lesar seu fígado.

5º remédio que pode atacar seu fígado- alopurinol (zyloric)

Para quem tem ácido úrico muito alto, para quem tem gota, às vezes não conseguimos melhorar apenas com dieta e precisamos iniciar o alopurinol, que é um ótimo remédio para ácido úrico e também previne crises de gotas, porém, o allopurinol também pode atacar seu fígado. E essa lesão hepática pode acontecer dentro de dias a semanas após o início do tratamento.

6º remédio que pode atacar seu fígado- Metotrexato

O metotrexato é usado para artrite reumatóide, atrite psoriática, e alguns tipo de câncer, porém precisamos sempre ficar de olho nas enzimas hepáticas, visto que a lesão hepática pode ser um efeito colateral comum do metotrexato.

7º remédio que pode atacar seu fígado- anticonvulsivantes.

Quais deles? Principalmente a fenitoína (que é o hidantal) e o ácido valpróico (que é o depakene). O hidantal pode lesar o fígado logo após começar a tomá-lo. E o depakene pode acontecer de uma a seis semanas após o início, por isso que devemos monitorar as enzimas hepáticas. Mas a A carbamazepina e a lamotrigina também podem causar lesão hepática, bem mais raramente

 8º Remédio que pode atacar seu fígado- antipsicóticos como risperidona e quetiapine

A risperidona e a quetiapina (Seroquel) são remédios antipsicóticos e também são usados para aquelas depressões refratárias. E ambas têm o potencial de causar danos ao fígado. Como? Elas podem levar a uma coletase medicamentosa, onde a bile, que ajuda a digerir os alimentos, não consegue sair do fígado podendo levar o seu fígado.

9º remédio que pode atacar seu fígado: antifúngicos

Antifúngicos, especialmente fluconazole e itraconazol que são muito eficazes para candidíase, para micoses nas unhas, estão associadas a hepatotoxicidade em alguns pacientes que são suscetíveis. Por isso, se você estiver tratando a sua micose, fique de olho naqueles sinais que eu falei.

E o 10º remédio, e o principal, que pode atacar seu fígado: você deve ter adivinhado, o PARACETAMOL Esse é a principal causa de insuficiência hepática medicamentosa.

Normalmente não é a dose habitual que vai ocasionar, mas é uma dose acima do normal. Mas como é um remédio muito popular, às vezes a pessoa abusa. Ao invés de tomar um para sua dor de cabeça, toma três de uma vez. E repete, e repete essa superdosagem.

Repetindo aqui, normalmente não são as doses recomendadas de paracetamol, pois é segura, eu dava para os meus filhos quando eram bebês, para febre, para dor. Mas exagerar na dose é um perigo!  Dos casos de insuficiência hepática atribuídos a remédios, mais de um terço são devidos ao paracetamol.

Quando você toma muito, pode ter insuficiência hepática aguda, que tem uma alta taxa de mortalidade e geralmente requer um transplante de fígado se o seu fígado não conseguir se regenerar.

Como eu falei, os rins, se pararem, algumas vezes pode ser revertido fazendo hemodiálise, até que os rins voltem a funcionar (em alguns casos de lesão medicamentosa voltam).Agora o fígado, tem que ir para transplante.E, claro, se você consumir álcool, fatores genéticos e se você estiver tomando um dos outros remédios da lista, podem aumentar o risco de lesão hepática.

Os danos ao ficado induzidos pelo paracetamol podem começar entre 1-3 dias tomar o remédio, sendo que os sintomas geralmente aparecem de 2 a 4 dias.

O excesso de paracetamol tem 1 antídoto- que é a acetilcisteína, o fluimucil, que é um expectorante e também serve para alguns casos de toc e tricotilomania e esse ajuda muito a proteger o fígado, no caso do paracetamol.

Mas, se você abusou do paracetamol, estava com uma dor de cabeça extrema e exagerou na dose, melhor ir ao pronto-socorro e explicar ao médico, do que precisar fazer um transplante hepático.

Importante!

Não é que o remédio não esteja na lista que ele não lesa o seu fígado. Como eu falei, a lista é grande que incluem antiretrovirais, vitaminas como niacina, outros antibióticos… mas também suplementos e até chás,..

Cuide do seu fígado! O fígado é um órgão essencial e quando ele não funciona bem, vai afetar o seu corpo como um todo. Para evitar a hepatite medicamentosa e até, em casos extremos, a hepatite fulminante, lembre-se de que todo e qualquer medicamento deve ser usado com muito cuidado.

A hepatite fulminante acomete um percentual elevado daquelas pessoas com hepatites agudas medicamentosas que desenvolvem icterícia—  apele amarelada, e desses, somente 20% sobrevivem sem um transplante de fígado.

Fonte : cardiologista André Wambier,  via Cardiodf.com.br

Advertisements