Bolsonaro não apresenta provas sobre suposta fraude eleitoral, apenas vídeos da internet

Bolsonaro não apresenta provas sobre suposta fraude eleitoral, apenas vídeos da internet

Julho 30, 2021 Não Por love amem

(Reuters) – O presidente Jair Bolsonaro não apresentou provas, como havia prometido para esta quinta-feira, para embasar suas denúncias de fraudes eleitorais, mostrando apenas vídeos antigos divulgados na internet com eleitores reclamando de problemas na hora de votar e um vídeo de um youtuber sobre suposta manipulação da urna eletrônica, que já foi negado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Depois de convocar a imprensa para acompanhar sua transmissão semanal ao vivo pelas redes sociais com a promessa de apresentar supostas provas de fraudes nas eleições, o próprio Bolsonaro reconheceu na live que não é possível provar se eleições foram fraudadas ou não, e disse que seriam apresentados indícios.

Os indícios apresentados, porém, foram apenas vídeos que já circulam na internet desde as eleições de 2018 em que eleitores afirmam terem tido problemas para votar em seus candidatos, além de um vídeo de um youtuber sobre o código-fonte da urna eletrônica, que, no entanto, já foi rebatido pelo TSE como falso.

Bolsonaro alega fraudes nas eleições desde março de 2020, quando prometeu mostrar provas de que teria vencido as eleições de 2018 no primeiro turno. Nas últimas semanas, com a popularidade em queda e com pesquisas mostrando que pode perder a reeleição, ele tem defendido fortemente que seja aprovada a adoção do voto impresso para as urnas eletrônicas com o objetivo de, segundo ele, garantir que as eleições de 2022 não sejam fraudadas.

Apesar das afirmações do presidente, não há relatos de fraudes envolvendo as urnas eletrônicas, e o TSE garante que o sistema é seguro e tem diversas formas de auditoria.

 

(Por Ricardo Brito e Pedro Fonseca) via istoe