Na Argentina, a estátua da Virgem Maria “explodiu em lágrimas”

Na pequena igreja da cidade de San José de Methana, um verdadeiro milagre aconteceu: a estátua da Virgem Maria começou a chorar sangue. Esta notícia rapidamente se espalhou para a população local e, em seguida, para sites de informação em todo o mundo. Como testemunhas oculares notam, dos olhos da estátua flui um líquido de cor vermelha, que é semelhante ao sangue.

Os peregrinos começaram a se reunir maciçamente na estátua. Vale ressaltar que anteriormente o fluxo de mirra já estava ocorrendo, apenas em casa com um homem. Como os jornalistas descobriram, a estátua foi dada à igreja por um residente local, Frias Mendoz.

Uma comissão especial já foi para a Virgem Maria, que deve documentar o fato do milagre. Nos países ocidentais, vale a pena observar que as estátuas “chorosas” são análogas aos ícones de fluxo de mirra que são característicos da ortodoxia russa.

Água destilada, líquido aromático oleoso, sangue ou um composto com cristais incolores geralmente escoa dos olhos dessas ou daquelas esculturas sagradas. Vale ressaltar que ninguém nunca ouviu falar sobre os casos de falsificação do fluxo de mirra.

 

 

Veja também:

Não chore o leite derramado, pois Deus viu antes que ia azedar.

Transgénero gasta 13 mil euros para ser igual à Kim Kardashian

Menina é curada da leucemia após ver Jesus em seu quarto, no Rio